domingo, abril 13, 2008

foto-memória # 134 | Saudade


9 comentários:

ManuelNeves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ManuelNeves disse...

Caro Luís Antero,

Permita-me que deixe uma sincera homenagem a todos os que com suor e lágrimas, semearam o nosso pão de cada dia.

Era nas cristalinas águas do rio, que se afogavam as mágoas de uma vida árdua, amiga da fome e parceira de um sistema explorador da força dos braços das gentes humildes deste País.

um Grande Bem-Haja

Luís Antero disse...

muito obrigado caro manuel pelas suas palavras sempre pertinentes. este tasco de memórias agradece-lhe. um grande bem-haja tb para si. boa semana para todos.

Jofre Alves disse...

Cá estou para ver este extraordinário blogue, de uma grande estética e bom-gosto, tão como as cristalinas águas. Gosto imenso do rosto e da perspectiva humana que emana dos rostos dos nossos adorados idosos, duma dignidade sempre adorável e impressionante. Boa semana.

Luís Antero disse...

caro jofre, mto obrigado pelas suas sempre simpáticas palavras. boa semana tb para si. vou até ao seu espaço. até já.

Tozé Franco disse...

Parabéns pela fotografia. Belíssima.
Um abraço.

Luís Antero disse...

obrigado tozé. estas fotos fazem parte de uma colecção já desaparecida que a quinta da moenda (espaço de turismo rural) encomendou aquando da sua 1ª fase de existência. existem outras, mas não sei do seu paradeiro. abraço.

Tiago Martins disse...

Do melhor e mais raro à façe da terra...Um verdadeiro previlégio para quem conheçe!É de louvar uma atitude como esta de fazer chegar, sempre que a saudade pede, um "cheirinho" de alvôco a todo o mundo, tão bem representado.Um abraço.

Maria da Conceição Franco disse...

Muito obrigada pela foto,

recordo com saudade o meu querido pai
o meu bem haja.boa semana

Assina Maria da Conceição Franco